segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009


palavras que não disse,

raivas que não soltei,

mágoas que acumulei...

batalhas interiores e constantes,

pensamentos futeis e frustrantes,

sentimentos que dei...

extases que não vivi, lugares que não conheci,

pessoas que amei....

um sentimento de impotência,

um acumular de nada,

um gritar de clemência...

porquê?

qual o motivo de toda esta loucura?

deste afogamento que perdura,

desta voz que dói?

um suspiro que não deixei escapar,

um olhar que se perdeu no mar,

uma pobreza de espiríto que não quer largar...

tantas palavras ditas em vão...

lágrimas que caíram no chão...

21 sonharam comigo...:

antonio - o implume disse...

As lágrimas como as palavras são muitas vezes em vão, só elas conhecem a verdadeira razão.

Karlytus disse...

Se n altura faziam sentido entao nao foram em vão..
Mas isto é claro apenas uma opiniao..
A tua será outra.. ou não..! ;)

E até rima.. hehe

Gostei mto deste teu blog e vou passar por aqui mais vezes e com mais atençao.. ;)

Beijinho azulinho! :)

Antonio saramago disse...

Como é essa da Impotência?
Explica lá isso melhor.

Alguém disse...

Nada de guardar todas essas coisas dentro de nós! tem de sair cá para fora! Nada de reprimir... Isso magoa muito...

beijinho

OnlyMe disse...

Qual o significado de tantos sentimentos reprimidos, tantas palavras que ficam por dizer ou foram ditas em vão?! Aonde isso nos leva?! Qual a solução para essa mágoa contida dentro de nós?!

Jinhos :)

Espelho meu disse...

Pronto vou ser meiguinha...Adorei passar por este blog, tanto que decidi ficar! :)

Beijinhos e parabéns por todos estes sentires tão bonitos*

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ disse...

Sarava!

Bem-vinda! És um ser humano! :)


beijinhos

A Menina do Regador de Sonhos disse...

Lindo... Lindo... Lindo....

Salto-Alto disse...

Compreendo tão bem este teu texto! De vez em quando sinto precisamente o que partilhaste...

sonhos/pesadelos disse...

As lágrimas são subterfugios de algo, assim como as palavras...necessárias!!
bjs endiabrados

Karlytus, que veia poética loool, mas verdadeira!
volta sim que vou gostar...
bjs azuis embuiados

sonhos/pesadelos disse...

António, impotência:2 gén.,
que não tem poder, força suficiente para fazer alguma coisa;

fraco, débil;

que não tem potência;


sim amigo?????? explicado? ah ah ah
bjs endiabrados

sonhos/pesadelos disse...

Alguém, por vezes é preferivel guardá-las e aliviá-las ao sabor das lágrimas, do que mandá-las cá para fora e as lágrimas triplicarem com o estrago...
bjs endiabrados

OnluMe, por vezes acontece mesmo sem querermos...mas passam nina, passam...
bjs endiabrados

sonhos/pesadelos disse...

Espelho meu, muito obrigada por teres gostado, vou espreitar o teu cantinho ...
volta sim?
bjs endiabrados

sonhos/pesadelos disse...

E se eu fosse puta, tu lias?, Sarava, e que bem que sabe ser humano...
bjs endiabrados

Menina Regador de Sonhos, muito obragada!!!!
bjs endiabrados

Salto-Alto, fico feliz por te identificares com o que escrevo por vezes, é sinal que chega ás pessoas...
bjs endiabrados

Anjo Negro disse...

Lágrimas ... Muitas Lágrimas ...
São precisas, são tão preciosas como as gargalhadas que damos!!!
São sentimentos que ao saltarem cá para fora nos alivia, nunca são em vão, nunca ...

Beijos dos teu Anjo Negro

anjo disse...

olá amiga , por vezes dizemos palavras em vão e devido a elas deitamos lagrimas do coração pk magoamos a nos mesmo e aos outro q amamos ;) bjs e uma boa semana um forte abraço de amor das asas de um anjo

Vizinho do manicómio disse...

Como era bom sermos fléxiveis aos sentimentos.
Como era bom sermos nós a ditar o nosso futuro, o nosso amor, o nosso sofrimento.
Como era bom todos sermos loucos para poder gritar os desabafos.
Como era bom sermos Anjos, para podermos voar.

sonhos/pesadelos disse...

Anjo Negro, são tão precisas como as risadas, concordo. Nós sem termos o mau, nem saberiamos como dar valor ao bom!
bjs endiabrados

Anjo, muito obrigada, espero que a tua semana seja com tudo de bom a dobrar ou a triplicar!!!!
bjs endiabrados

sonhos/pesadelos disse...

Vizinho, um anjo tb pouco tem para si, dá tudo o que tem aos outros....sem reciprocidade tb não é justo...
bjs endiabrados

as velas ardem ate ao fim disse...

nem sempre dizemos tudo...

um bjo

Ilda disse...

Adorei a leitura! A vida é uma miscelânia de sentimentos que exprimiste muito bem nestas palavras! Beijos!

Enviar um comentário